Polícia localiza lancha usada por Bruno Pereira e Dom Phillips

Embarcação foi encontrada a cerca de 20 metros de profundidade, com seis sacos de areia

Foto: Divulgação / PF
Foto: Divulgação / PF

 

A polícia localizou, neste domingo (29), a lancha usada pelo indigenista Bruno Pereira e o jornalista britânico Dom Phillips, antes de serem assassinados, na região do Vale do Javarí, no Amazonas.

Segundo a Folha de S. Paulo, a Polícia Civil do Amazonas informou que a embarcação estava submersa e foi encontrada a cerca de 20 metros de profundidade. Em nota, os investigadores contaram que a lancha estava “emborcada com seis sacos de areia para dificultar a flutuação, a uma distância de 30 metros da margem direita do rio Itaquaí, nas proximidades da comunidade Cachoeira”.

No comunicado, a Polícia Civil relatou que “além do casco da lancha, também foram encontrados um motor Yamaha 40 hp, quatro tambores que eram de propriedade do Bruno, sendo três em terra firme e um submerso”. A operação que durou cerca de cinco horas teve também a participação da Polícia Militar do Amazonas, Marinha do Brasil e Corpo de Bombeiros.

Após a prisão de Amarildo da Costa Oliveira, conhecido como Pelado; Oseney da Costa Oliveira, o Dos Santos; e Jeferson da Silva Lima, Pelado da Dinha, as investigações sobre os assassinatos apontam a participação de pelo menos oito suspeitos no crime

Bahia.ba

Postar um comentário

0 Comentários