Ao menos dez agências bancárias fecham na Bahia após surto de Covid

Somente do Bradesco, segundo sindicato, nove agências estão fechadas 

Foto: Reprodução

O sindicato de bancários da Bahia alertou nesta segunda-feira (10) para um possível surto de Covid-19 nas agências de Salvador, Região Metropolitana e Recôncavo. De acordo com a organização, ao menos dez unidades estão fechadas em decorrência da contaminação dos funcionários. Em outras dez há a confirmação de infecção na equipe.

Somente do Bradesco, segundo comunicado, nove agências estão fechadas: Center Lapa, Calçada, Itapuã, Nova Comércio, Prime Comércio, Prime Chame-chame, Centro Empresarial Redenção, Barros Reis, avenida Manoel Dias, além da agência de Lauro de Freitas, no Centro, de Ruy Barbosa e Santo Antônio de Jesus.

No Santander, a agência do Itaigara está fechada. Já unidade Pituba segue aberta, mesmo com a confirmação de um caso de Covid-19. O banco somente afastou os quatro empregados que tiveram contato com o contaminado.

"O Sindicato dos Bancários da Bahia está atento e cobra responsabilidade dos bancos para o cumprimento dos protocolos de segurança contra a Covid-19", afirma nota do sindicato. 

A Bahia registrou 776 casos de Covid-19 em 24 horas, conforme último boletim divulgado pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), na tarde deste domingo (9). Três mortes pela doença também foram contabilizadas. O total de casos ativos é 4.461.


Metro1

Postar um comentário

0 Comentários