SAAE ALAGOINHAS TRABALHA NA UNIVERSALIZAÇÃO DO ACESSO À ÁGUA

 O Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Alagoinhas (SAAE) vem se recuperando, nos últimos cinco anos, da grave crise financeira cuja herança foi uma dívida de R$ 14 milhões. Com a aplicação de políticas de austeridade e o comprometimento dos funcionários e gestores, hoje já se pode falar em universalização da água em Alagoinhas.

A medida consiste em garantir a distribuição regular e eficiente de água tratada e encanada para toda a zona urbana e, principalmente, para a zona rural, em que algumas comunidades ainda são abastecidas por carros-pipa.

Segundo o diretor geral do SAAE, Francisco Brito, medidas de economia, a exemplo da manutenção do contrato com o plano de saúde Promédica, com redução de 13,992% e a união dos servidores, têm sido os principais fatores da recuperação financeira da autarquia. “Até o final deste ano, nós conseguimos pagar mais de R$ 7 milhões da dívida e, além de garantir os serviços de rotina, voltamos a investir na escavação de novos poços, no melhoramento do abastecimento e no esgotamento sanitário, através de extensões de rede de água e de esgoto”.

Francisco refere-se à recente inauguração do sistema de abastecimento da comunidade de Mangueira, que somente em 2020 passou a ter água tratada e encanada; à ampliação do sistema de abastecimento de Sucupira, realizado em 2021; à extensão de 2 km de rede que integrou os sistemas Linha Verde e Calu; aos mais de 7 km de extensão de rede de água realizados também este ano; aos investimentos na capacitação dos servidores nas áreas técnicas e de gestão, entre tantas outras realizações que ajudaram o SAAE a sair das sombras.

No mês de dezembro de 2021 a autarquia trabalha na conclusão do “Saneamento para todos” – obra de convênio que implantou mais de 6 km de rede coletora de esgoto no Barreio e Mangalô, beneficiando mais de 8 mil pessoas – e na extensão de rede da comunidade de Oiteiro – Boa União. Francisco explica que “nesse exato momento, estamos no Oiteiro, realizando a extensão de 1272 metros na rede de água, em agosto realizamos uma extensão de 562 metros, totalizando quase 2 km de extensão de rede na localidade esse ano”.

Com a boa gestão, o SAAE Alagoinhas está atingindo a meta de universalização do acesso à água tratada e encanada e já conseguiu ultrapassar índices percentuais de atendimento com rede de água que, segundo dados oficiais, no Nordeste é de 88,2%, no Brasil é de 92,9% e em Alagoinhas é de 96,4%.

 

Texto e fotos: Ascom SAAE Alagoinhas.

Postar um comentário

0 Comentários